Tanques de Armazenamento

Comente 27.01.21 88 Vizualizações Imprimir Enviar
Proteção e Segurança de Tanques de Armazenamento  com Teto Flutuante Externo

Discussão e apresentação das medidas de proteção e segurança de tanques de armazenamento de teto flutuante externo, para líquidos inflamáveis ou combustíveis.

Ocorrências operacionais que podem ocasionar:

  • Extravasamento do líquido armazenado;
  • Sobrepressão interna ou vácuo no tanque;
  • Perdas através do selo periférico de vedação entre o costado e o teto, por deformações no costado;
  • Formação de bolsões de vapor sob o teto;
  • Falha do sistema de drenagem do teto flutuante;
  • Proteção contra incêndio;
  • Situações mais comuns de risco para o tanque de teto flutuante externo.

Ocorrências ambientais que podem ter origem em:

  • Centelhamento entre componentes do tanque, gerado por eletricidade estática acumulada;
  • Faíscas geradas por descarga elétrica de nuvens eletricamente carregadas.

Ocorrências que podem comprometer a flutuabilidade do teto flutuante.

  • Mau funcionamento do dreno primário de drenagem da água pluvial;
  • Acúmulo de vapores e gases sob as deformações do teto desestabilizando-o;
  • Compartimentos ou flutuadores do teto inundados com produto, devido a furo ou trinca passante na chaparia;
  • Lençol de chapas (“deck”) inundado;
  • Agarramento do teto flutuante no antirrotacional;
  • Travamento do selo de vedação periférico no costado;
  • Emperramento da escada de acesso ao teto;
  • Agarramento do dreno principal de água pluvial;
  • Entupimento da bacia de drenagem na superfície do teto;
  • Passagem de produto pelos dispositivos quebra-vácuo e/ou válvulas de alívio de vapores e gases sob o teto;
  • Passagem de produto pelas guias das pernas suportes do teto;
  • Flambagem de perna de apoio.

Proteção e segurança tanques teto flutuante externo

Newsletter

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.
Translate »