Segurança, Corrosão e Deterioração

Comente 22.09.16 2623 Vizualizações Imprimir Enviar
Alerta de Segurança sobre Ataque por Hidrogênio à Alta Temperatura

O Chemical Safety and Hazard Investigation Board (CSB) dos EUA descobriu que programas de integridade mecânica inadequados, incluindo a manutenção preventiva para o controle de mecanismos de danos e o envelhecimento de equipamentos em indústrias químicas, em particular o devido ao Ataque pelo Hidrogênio em Alta Temperatura (HTHA-High Temperature Hydrogen Attack”), têm sido causas de vários acidentes investigados pelo CSB.

A indústria utiliza um padrão para determinar a vulnerabilidade de equipamentos para o HTHA, conhecido como Prática Recomendada RP 941, do American Petroleum Institute (API), Steels for Hydrogen Service at Elevated Temperatures and Pressures in Petroleum Refineries and the Petrochemical Plants.

Este padrão utiliza as “Curvas de Nelson” para prever as condições de operação onde pode ocorrer o HTHA em diferentes tipos de aços.

As curvas são baseadas em dados de processo repassados voluntariamente ao API, e são desenhadas conforme ocorrências de HTHA reportadas para indicar as regiões de operação “seguras” e “inseguras”.

A investigação do CSB para a falha catastrófica de um permutador de calor de aço-Carbono, na Refinaria de Tesoro em Anacortes, Washington, concluiu que a explosão fatal e o incêndio foram causados por um mecanismo de dano conhecido como ataque por hidrogênio a alta temperatura (“high temperature hydrogen attack”), ou HTHA, que ocasionou a trinca que se propagou ao longo do tempo até levar o equipamento à ruptura catastrófica.

O CSB descobriu que o HTHA ocorreu na região de operação “segura” da curva do aço-Carbono,  utilizado na fabricação do permutador trocador de calor da Tesoro, onde o API RP 941 não previa esse tipo de ocorrência, por HTHA.

O CSB concluiu na investigação do incidente na Tesoro Anacortes que a utilização de materiais inerentemente mais seguros é a melhor abordagem para prevenir o HTHA.

Outra prática recomendada API RP 571- Damage Mechanisms Affecting Fixed Equipment in the Refinery Industry estabelece que, Aços Inoxidáveis Série 300, assim como aços ligas 5Cr, 9Cr e 12 Cr, não são suscetíveis ao HTHA nas condições normalmente observadas em refinarias.

alerta-de-seguranca-do-csb-sobre-ataque-por-h2-a-alta-temperatura

high-temperature-h2-attack

ataque-h2-alta-temperatura

Newsletter

Seja notificado sempre que um novo conteúdo estiver disponível.

Não se preocupe, não temos prática de enviar spam.
Translate »